Imprimir

Prefeitura cria Ordem da Luz dos Pinhais, reconhecimento a quem ajuda a engrandecer Curitiba

em 21 Setembro 2018. Postado em Notícias

Medalha DestaqueO prefeito Rafael Greca entrega, nesta sexta-feira (21/9), as primeiras medalhas e diplomas da Ordem Municipal da Luz dos Pinhais de Curitiba. Vinte e oito curitibanos, de nascimento ou adoção, receberão a honraria máxima da capital paranaense pela contribuição ao engrandecimento da cidade e do bem-estar de seus habitantes.

“Instituímos a medalha Luz dos Pinhais como a maior honra, condecoração oficial, desta cidade de Curitiba. Ela será entregue a quem se destaque pelo bom combate em favor da urbanidade, da paz e do bem", explica o prefeito.

Segundo Greca, a homenagem dá significado ao compromisso da cidade “contra a mediocridade que aniquila a cultura, gera a burocracia, trava a história e infelicita os povos”.

“É o reconhecimento do valor de todos aqueles - mulheres e homens - capazes de entender a eternidade e a grandeza das araucárias e a grande história criativa desta Cidade da Luz dos Pinhais”, completa o prefeito.

A cerimônia será realizada no Memorial de Curitiba.

Inspiração
Banhadas a ouro, as medalhas são inspiradas na obra "Homem à Altura dos Pinheiros”, de João Turin, com o desenho de um homem de braços abertos em um cenário de pinheirais. A imagem remete ao Homem Vitruviano, símbolo do Renascimento, de Leonardo Da Vinci. “É uma releitura transplantada para a terra dos pinheirais”, destaca o prefeito. “Qualifica a grandeza pelo porte e eternidade das araucárias.”

A imagem faz ainda outra referência importante à história da capital, tendo sido capa em 1927 da revista Ilustração Paranaense, editada por João Batista Groff, e usada no Movimento Manifesto Paranista, de Alfredo Romário Martins, em 1928.

João Turin, por sua vez, é um dos mais importantes artistas da História do Paraná. Nasceu em 1878 em Porto de Cima e morreu em Curitiba em 1949. Com formação em artes plásticas na Academia Nacional de Bruxelas, Turin foi premiado no Salão Nacional de Belas Artes brasileiro em 1944 e 1947.

A medalha é sustentada por uma fita nas cores da bandeira de Curitiba verde bandeira, com filete central vermelho, ladeado por dois filetes brancos e dois filetes dourados.

Regras
Instituída pelo decreto municipal 915, de 31 de agosto de 2018, a homenagem é constituída da medalha, de um diploma e da inscrição do nome dos homenageados em um livro de registros.

O decreto define o Conselho da Ordem e os critérios para a escolha de nomes, entre os quais devem ser preponderantes a conduta ilibada dos homenageados e ações de relevância em favor da cidade.

Medalha 1
Cesar Brustolin/SMCS

medalha 2
Cesar Brustolin/SMCS

medalha 3
Cesar Brustolin/SMCS

Medalha 4
Cesar Brustolin/SMCS

Medalha 5
Cesar Brustolin/SMCS

  • Compartilhe: