Imprimir

Guarda Municipal prende suspeito de assaltar estação-tubo CIC Norte

em Segunda, 15 Janeiro 2018 17:27. Postado em Notícias

Uma equipe da Guarda Municipal prendeu um suspeito de roubar o cobrador de ônibus que estava trabalhando na estação-tubo CIC Norte, no final da noite deste domingo (14). Com o suspeito, de 19 anos, foram apreendidos um celular e R$ 34,00.

Após ser acionada via Central de Operações da Defesa Social (Cods), a viatura da Guarda Municipal fez rondas em ruas próximas ao local do roubo, encontrando o indivíduo com as características repassadas pela vítima na Rua Dep. Heitor Alencar Furtado. Após ser abordado, o jovem foi reconhecido pela vítima e encaminhado à Central de Flagrantes da Polícia Civil, no Centro.

Imprimir

Motorista deve redobrar atenção no trânsito em dias chuvosos

em Segunda, 15 Janeiro 2018 17:24. Postado em Notícias

Curitiba deve continuar sendo atingida por chuvas constantes, pelo menos, ao longo de toda a próxima semana. Com as chuvas, os cuidados ao volante devem ser redobrados pelos motoristas, alerta a Superintendência Municipal de Trânsito (Setran).

“Há orientações que seguem um padrão internacional de segurança viária e que contribuem para uma maior segurança de todos no trânsito”, diz o diretor de Fiscalização da Setran, Claudionor Agibert.

Abaixo, algumas orientações elencadas por Agibert, a serem seguidas ao enfrentar mau tempo enquanto estiver no trânsito:

• Primeira e mais importante: diminua a velocidade. Leva-se mais tempo para parar ou ajustar o veículo durante a chuva.

• Prefira trafegar pelas faixas centrais – a água tende a acumular nas faixas externas.

• Mantenha distância adequada do veículo da frente (regra dos três segundos). Essa distância precisa ser aumentada sob chuva.

• Dirija seguindo as marcas do carro à sua frente.

• Não siga caminhões e ônibus muito de perto. O espectro criado pelos pneus maiores diminui a visão. Tome cuidado ao ultrapassá-los também; se tiver que fazê-lo, procure ser rápido e seguro.

• Preste atenção nos pedestres e evite passar por poças d´água.
 
• Esteja mais alerta quando dirigir em condições de pista molhada ou escorregadia. Preste atenção nas luzes de freio em frente.
 
• Ligue os faróis, mesmo sob garoa, nevoeiro ou neblina. Além de ajudar a enxergar a pista, auxilia os outros motoristas a verem você.
 
• Antes de começar a chover, troque limpadores velhos ou frágeis.
 
• Evite condução “fora de estrada”: é difícil julgar a profundidade real de poças e pode-se ficar encalhado, mesmo em um veículo maior.

• Nunca dirija acima dos limites de sua visibilidade. Durante a noite, pistas molhadas ficam traiçoeiras. O reflexo dos faróis dos veículos no sentido contrário, amplificado pela chuva no para-brisa, pode causar perda temporária de visibilidade, aumentando a fadiga do condutor.

• Nunca dirija por água corrente se não puder enxergar o solo através dela; seu carro pode ser levado para fora da pista.

• Quando estiver dirigindo sobre uma poça de profundidade não conhecida, vá devagar. Se a água estiver acima da parte mais baixa das portas, volte e tente outro caminho. A água pode causar sérios danos à parte elétrica dos automóveis.

• Se possível, pare o carro havendo temporais e tempestades. Raios podem cegar temporariamente e desorientar os motoristas; além disso, ventos e chuva fortes podem criar condições fatais para dirigir.

• Certifique-se de que os pneus do carro estão em boas condições de uso, para não deslizar em eventuais frenagens.

Daniel Castellano/SMCS

Daniel Castellano/SMCS

Imprimir

Saiba como fazer o pedido para rebaixar meio-fio em residências ou comércio

em Sexta, 12 Janeiro 2018 13:15. Postado em Notícias

O rebaixamento do meio-fio é uma necessidade para muitos moradores e comerciantes que querem ampliar o acesso a sua garagem. Segundo o Código de Obras do Município, Lei 11.095/2004, é obrigatório o Alvará de Licença expedido pela Prefeitura para a execução de rebaixamento de meio-fio. Antes de executar a obra para o rebaixamento da guia, é necessário que o proprietário do imóvel ou seu representante legal solicite a Licença à Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal do Urbanismo e Assuntos Metropolitanos.

A diretora do departamento de Controle e Uso do Solo da Secretaria, Mara Lúcia Ferreira, explica que a Licença deve ser solicitada nos casos em que será executada uma nova guia rebaixada ou ampliada uma já existente, sem que haja outra alteração no imóvel.

“O primeiro passo é preencher o requerimento disponível na página da Prefeitura, informando quantos metros do meio-fio ele quer rebaixar, o endereço e o número do alvará de funcionamento, se for um estabelecimento comercial”, afirma Mara.

O requerimento tem que ser entregue pessoalmente no protocolo da Secretaria do Urbanismo, no Alto da Glória, ou nos núcleos das administrações regionais. “O requerimento vai ser avaliado pela nossa equipe, que emite um resultado em até 20 dias”, salienta Mara.

Outras informações poderão ser obtidas no plantão técnico, pessoalmente, na sede da Secretaria do Urbanismo, no Alto da Glória.

A decisão leva em conta a regularidade do estacionamento, segundo a diretora. “Somente será autorizada a execução da guia rebaixada se existir local para estacionamento de veículos de acordo com a legislação”. Vagas de estacionamento sobre o recuo frontal obrigatório ou sobre o passeio, por exemplo, não são permitidas.

Caso haja necessidade de alteração da sinalização horizontal da via (pintura de faixa) ou, ainda, da sinalização vertical (retirada de placa), o interessado deverá procurar a Superintendência Municipal de Trânsito (Setran). Lá, deverá ser protocolado um ofício solicitando a alteração da sinalização.

É necessário anexar o projeto arquitetônico (situação do imóvel) ou croqui que demonstre o posicionamento dos rebaixamentos, o alvará de construção ou a licença de rebaixamento de meio-fio aprovados no Urbanismo. Os técnicos da Setran farão uma vistoria para verificar a situação e programar a alteração da sinalização viária.

Quando a construção for nova, lembra Mara, as especificações da guia rebaixada devem constar no projeto de alvará de construção, o que dispensa a pessoa de fazer esse pedido específico, o mesmo vale para reformas e ampliações.

Passo a passo:

- Preencha o formulário que está no site: http://www.curitiba.pr.gov.br/servicos/cidadao/calcada-meio-fio-rebaixamento-de-meio-fio-licenca-para-execucao/392

- No item “Execução de rebaixamento de meio-fio”, preencha quantos metros pretende rebaixar, o endereço e o nº do alvará de funcionamento, se for o caso.

- Entregue o formulário pessoalmente na sede da Secretaria do Urbanismo nas segundas, terças, quartas e sextas-feiras das 14h às 17h.

Endereço: Av. João Gualberto, 623 – Alto da Glória.

- Após o resultado, informe a Superintendência Municipal de Trânsito, caso seja necessária alguma alteração na sinalização de trânsito.

Endereço: Rua Benjamin Constant, 157 - Centro.

- O proprietário já está autorizado a iniciar a obra.

Valdecir Galor/SMCS

Imprimir

Com recorde de satisfação, Central 156 faz 1 milhão de atendimentos em 2017

em Sexta, 12 Janeiro 2018 13:09. Postado em Notícias

A Central 156 realizou 1.082.524 atendimentos em 2017, dos quais a maior parte foi feita por telefone (87,3%), seguido do chat on-line (7,7%) e site (5%). Na média, o ritmo ficou em 2.966 atendimentos diários.

No ano passado, o Índice de Satisfação com os serviços da Prefeitura encaminhados pela central teve seu melhor desempenho em cinco anos: 81,4%. Em dezembro, ele atingiu o segundo maior pico do ano, com 82,9% – 12,4 pontos porcentuais acima do registrado no mesmo mês de 2016.

Entre os atendimentos, 511.807 eram pedidos de informação e 433.290 solicitações de serviço.

Os serviços mais solicitados pela população foram os de coleta de entulhos, iluminação pública, trânsito, abordagem social e poda de árvores – esses cinco itens somaram quase 54% da demanda.

O sistema do 156 registra 2.576 serviços disponíveis para os moradores da cidade.

Já os pedidos de informação mais acionados foram os de itinerário e horário de ônibus, limpeza pública, transporte coletivo e cartão transporte – juntos eles representaram 42% da demanda.

Menos abandono
Outro dado de destaque no relatório anual feito pela central foi a redução 48,7% da taxa de abandono das ligações (as chamadas desligadas pelo solicitantes enquanto esperam o contato com o atendente). Em 2016, 5,15% dos contatos eram abandonados; no ano passado, o volume caiu para 2,64%.

O número de elogios aos serviços prestados, por sua vez, teve alta de 11% em 2017 sobre 2016, passando para 6.514.

Contato direto
A Central é o principal canal de comunicação direta da população com a Prefeitura de Curitiba. A Secretaria de Governo Municipal é responsável pelo serviço, prestado operacionalmente pelo Instituto das Cidades Inteligentes (ICI).

O atendimento feito pela central é distribuído para os setores da administração responsáveis pela execução dos serviços.

Serviço
Site e chat: central156.org.br.
Telefone: 156.
Atendimento: 24 horas, todos os dias.

CENTRAL 156 - 2017

Total de atendimentos

1.082.524

Atendimentos telefone

945.515

87,3% do total

Atendimentos internet

54.065

5%

Atendimentos chat

82.944

7,7%

Top 5 Informações mais pedidas

Itinerário de ônibus, horário de ônibus, limpeza pública, transporte coletivo e cartão transporte

42,3% do total
 

Top 5 Solicitações de serviços

Coleta de entulhos, iluminação pública, trânsito, abordagem social, poda de árvore.

53,7% do total

César Brustolin/SMCS